3 dicas de terapia de casamento que você precisa saber!

terapia-de-casal

Se você está pensando em começar uma terapia de casamento ou você já tem uma em andamento, há alguns fatores importantes que você pode não ter tido conhecimento ainda e que irá influenciar a sua decisão e o seu relacionamento.

Conselheiros matrimoniais(ou de casamento) nem sempre podem ajudar seu casamento, e não encare sua situação como um jogo, onde qualquer auto ajuda pode mudar o rumo da situação. Você pode descobrir que a terapia no casamento pode ser uma ideia ruim.

Vai ser caro, te consumir tempo, mas por outro lado mesmo a terapia mais cara sai muito melhor e mais barato do que você ter que encarar um divórcio e perder a pessoa que ama, é uma coisa que você vai ter que tentar.

 ➡ Terapia ainda funciona?

Na minha opinião raramente funciona . Há um índice que apenas 25% dos casais que passam por terapia conjugal obtiveram algum beneficio com a experiência. Em muitos casos, os casais relatam que o aconselhamento faz mais mal do que bem.

Individualidade!

terapia-de-casal

Conselheiros conjugais só pode ajudar uma pessoa de cada vez. As possibilidades são, os terapeutas na maioria das vezes são treinados para trabalhar com uma pessoa por sessão.

A razão para o fracasso geral de aconselhamento matrimonial não é o fato de que os casais não devem procurar uma terapia. É completamente o oposto. Casais realmente precisam de aconselhamento, mas não pode estar recebendo o tipo certo. Fazer perguntas sobre o programa vai ajudar você a encontrar um passo na direção certa. Procure um terapeuta que têm muita experiência em outros casos e como ele pode ajudá-lo(a). Eles geralmente possuem uma estrategia promissora e sucedida de como te ajudar a resolver seus problemas.

 ➡ Observação e análise de quem já fez terapia!

Observando e aprendendo com quem já passou pela experiência. Muitos conselheiros são ineficientes porque eles não têm uma forte apego sobre falar com duas pessoas ao mesmo tempo. É uma coisa para falar com uma pessoa, com um ponto de vista.

Mas a distinção entre dois, muitos diferentes pontos de vista é outro fator constante. Eles, muitas vezes tomam uma posição neutra e não oferecem muitas soluções para o caso, dessa forma muitos enxergam a separação como a melhor alternativa quando a real função deles e retardar essa ação.

Recomendações de amigos e familiares que passaram por terapia de casamento é essencial. Observe o casal que você conhece e pergunte sobre o que aprenderam. Se você está completamente ciente de um bom trabalho lá, você deve ir em frente com a terapia.

Você também pode acumular informações do tal terapeuta, lendo todos os artigos,livros e matérias que publicou ou casos renomados que contornou. Um livro de um terapeuta será o mais relevante, mas nenhum de seus trabalhos irão ajudá-lo a tomar uma decisão.

Encontrar um conselheiro matrimonial compatível lhe permitirá obter o melhor custo beneficio para a sua relação, valorizando o seu dinheiro e principalmente evitar o desperdício do seu tempo. Isso vai significar uma experiência gratificante, renovando a transformando o seu relacionamento como um topo.

 ➡ Saiba ouvir esse profissional!

A separação pode acontecer por uma inabilidade do casal em resolver conflitos. Cada um usa os seus próprios referenciais para julgar sem ao menos dar a chance de ouvir o outro, pois normalmente estamos tão presos a crenças que fomos criados que não enxergamos outras realidades. Ouvimos somente o que queremos ouvir e interpretamos de forma distorcida situações que de alguma forma nos são convenientes.

O trabalho terapêutico irá possibilitar a recontextualização das situações vivenciadas em casal, revendo crenças que cada um tem em relação ao casamento. Como estamos envolvidos na relação disfuncional (com conflitos), não temos percepção do quanto a relação deve ser dupla em vez de uma via única, ou seja, ela depende da ação conjunta do casal para que o casamento se ajuste e o casal possa reconstruir a vida

Pelo fato de estarem tão centradas em acusar o outro, as pessoas envolvidas também acabam se esquecendo de olhar para as próprias atitudes. Dessa forma, distanciam-se da responsabilidade de realizar mudanças que possam trazer uma harmonia entre o casal.

3 dicas de terapia de casamento que você precisa saber!
5 (100%) 1 vote
Gostou do Artigo, Compartilhe com os Amigos!
Tags:

Comentários no Facebook