Como Perdoar uma Traição em 10 Dicas

Como Perdoar uma Traição em 10 Dicas

 

como-perdoar-uma-raição

A dor da traição é uma das piores chagas em que podemos suportar. Perdoar uma traição do amado(a) é um tormento sem precedentes, aprender a engolir em seco o fel de uma infidelidade é uma rendição ao nosso amor e sonhos, quando somos enganados adquirimos diversos tipos de sentimentos ruins; raiva, mágoa, ciúme, vontade de se vingar do outro entre tantas outros sentimentos que só nos faz bem!

Em muitas traições, a pessoas traída por amar demais o outro decide esquecer a infidelidade e tentar uma nova história e assim perdoando-a, mas muitas vezes esse perdão não é de coração! o resentimento da outra permanece e a ferida nunca sara, sendo assim uma chaga constante no relacionamento entre os dois!

Em virtude disso, resolvi escrever este post para que você que deseja passar por cima desse problema de vez quer mesmo saber como perdoar uma traição fique neste artigo até o final, pois separei vários estágios para alcançar o perdão, a partir de agora vamos tentar ajudar VOCÊ a entendê-los OK… 😉 

 💡 Os 10 estágios para se perdoar uma traição…

 ➡ Antes de se perdoar uma traição você deve fazer uma reflexão sobre você e sobre o futuro da sua relacionamento!

Questione as seguintes situações…

    • Vocês brigaram.
    • A pessoa se sente culpado.
    • Você sente que está a ponto de desistir se não conversar.
    • Como era a relação antes da traição, era sadia, rolava muita briga?
    • Como está o espirito dele com a relação a traição, você nota ele triste, se sentindo culpado?
    • Ele tinha ingerido álcool no ato de traição ou estava sóbrio?
    • Ele demonstrava ou você já vinha notando mudanças com relação a ele e outras mulheres?

Este primeiro tópico, pode está a chave do segredo, antes de querer perdoar, você realmente tem que estar disposto(a) para tal. Mesmo que a sua relação tenha 10 anos de união, não importa o quanto você goste da pessoa: Para perdoar uma traição você tem que estar disposto(a) a engolir um sapo, passar por cima do orgulho e isso será uma tarefa bem difícil que terá que fazer. 

A orientação mais sensata em que podemos indicar a você é; se sentir que vocês não tem mais nada haver, então não perdoe, a traição pode ser o resultado claro que você não tem mais em comum, a química não rola mais. Outra situação clara é, se está começando uma relação com alguém e logo de cara rola uma infidelidade antes mesmo as coisas ficarem mais sérias, nem insista, pule logo fora, é um problema a menos que você está se livrando e por último se o traidor(a) é um reincidente nato, então volto a dizer, não insista! está mais que na hora de você cuidar de sí e não dessa relação mentirosa, mesmo que possa está em jogo uma vida, bens e etc.

 ➡ Ferida aberta…

Esta segunda fase leva ao conhecimento que a pessoa que você ama já o fez sofrer e portanto tem a capacidade de te ferir. Se você comprar a ideia de que “nada aconteceu“, será difícil assumir que a responsabilidade pela cura dessa dor está somente em você. A maioria das pessoas que passaram por um sofrimento parecido, permanecem agarrados à negação do fato: é uma dor para defender o inconsciente, a fim de não se sentir assim. Mas negação não fará nada para impedir iniciar o processo de perdão.

➡ Você precisará de um tempo só SEU 

Neste período é muito difícil, pois a sua mente não para! tudo que desejas é gritar, reclamar, espraguejar e muitas vezes descontar na mesma moeda. Fazer isso não é nada bom, sei que é cruel, mas tente relaxar ao máximo, o mais sensato a fazer e sentar, pensar e respirar muito.

Se você flagrou a situação, este paragrafo não é recomendado, mas se você descobrira uma traição sem o traidor está sabendo ainda pode ter uma carta na manga tipo: você pode jogar logo na cara dele(a) a descoberta ou prever que pode ser cedo demais e tentar ficar na espreita para colher mais provas, enquanto isso procure uma forma de relaxar, seja caminhando, seja na academia, faça algum tipo de exercício físico para liberar a tensão, para quando você for encarar a verdade, seja com clareza de ideias.

➡ Se Culpar é um erro que não lhe pertence!

Se você perdoar, é porque intitulou alguém como culpado. Você precisa colocar a culpa em quem de fato lhe machucou e parar de se culpar, assim você analisa o que aconteceu e e retira um peso das suas costas, pois se existiram fatores para isso como: você se ausentou do seu parceiro? negligenciou o seu casamento?As redes sociais contaram no final das contas?

Não fique procurando erros em você, isso só atrapalha, se martirizar procurando onde errou é um erro, e isso vai acontecer, é o mais óbvio, você irá se questionar os motivos para isso: será que ele(a) não me deseja mais? a outra pessoa era mais atraente que eu? aquele pessoa tem um status melhor que eu? e etc…

Nunca se culpe pelo fato, quem te deve satisfação é o seu parceiro, ele(a) que é o culpado e outra não permita que o traidor o acuse pelo fato, estas artimanhas são válidas e muitos usam!

 ➡ Antes de perdoar faça uma análise critica da SUA relação!

Passado toda a turbulência da descoberta, será a hora de você analisar ponto a ponto a sua relação! será que vale mesmo a pena perdoar? mas meu casamento era tão alegre…meu namoro era tão cheio de companheirismo e momentos íntimos…como ficará a cabeça dos meus filhos? será que vou conseguir trilhar um futuro sem a pessoa? eu era tão feliz…

Este será um momento de pesar tudo na balança e analisar os detalhes que levaram a traição, o porque que o outro chegou a tal ponto, tudo vinha correndo tão bem e chegou nesse ponto, aconteceu do nada, ele foi para o futebol e de lá foi para a farra com os amigos e aconteceu, ela foi para uma confraternização da empresa e acabou deslizando…entendeu, você realmente está disposto(a) a perdoar essa traição?

Uma vez que que você esteja ciente do perdão pelas razões certas e que o seu relacionamento vale a pena, você terá que ter certeza se a outra pessoa está arrependida e se sente na mesma sintonia de sentimento.

 ➡ Perdoando a Traição e colocando os pingos no is

 

Se você chegou até aqui no post é porque deseja mesmo dar uma segunda chance para esta pessoa que você tanto ama, gosta, tem apreço enfim, faz parte da sua vida.

Pense nos seus sentimentos, é fundamental que o seu parceiro saiba reconhecer o erro que fez e reconheça o quanto te fez sofrer nessa aventura dele(a).

  • Aqui tudo tem que ser discutido as claras de maneira franca e sem arrodeios, pois só assim o jogo vai para frente. Marquem um horário para isso, nada de coisas discutidas na hora, pois nesta fase já se foi os xingamentos e as acusações, aqui e sentar e conversar de forma sensata ok.
  • Você deve descobrir coisas como: como e quando começou tudo? quantas vezes rolou? rola algum sentimento ainda? se sentiu atraído(a)? onde foi que aconteceu? tudo isso com calma, evite detalhes demais.
  • Tente saber se antes desta traição rolou outra
  • tente descobrir qual o sentimento dele com a relação a vocês dois, ele(a) gosta mesmo de você ainda?
  • Procure saber o que de fato levou o adultério

Procurar dialogar formas e uma estratégia de como vocês farão para remar o barco dessa relação é fundamental para a continuação desta história, afinal tudo praticamente volta a ser do zero novamente, é ideal colocarem me prática novas regras para a relação.

Depois dos pingos nos is

Depois de tudo discutido e finalizado, toda a sinceridade exposta no perdão deve virar uma rotina de você. A partir de agora honestidade e sinceridade faz parte do cotidiano, um ouvir o outro. Você precisarão conversar mais e discutirem o que podem realizar juntos para tornar as coisas melhores, declarem sempre o que sentem um pelo outro, isso reforça mais e mais o amor de vocês.

Reconhecer o perdão

O Perdão é para te libertar e fazer você começar a descobrir que pode ser feliz de novo e contornar um novo caminha para a felicidade.

Mas se você não consegue perdoar, o melhor é terminar…dica 😉 

Se você já usou de todas as maneiras para perdoar uma traição e ainda esta cheio de ódio e ressentimento, paranoia, não permite que o outro o toque, os fantasmas da outra pessoa o persegue, vive com ciúmes quando a pessoa está com outra do sexo oposto e não consegue encontrar uma maneira de fazer a relação tomar o rumo de antes, então é hora de terminar de vez.

É melhor terminar do que continuar uma relação mentirosa, pois este sentimento ruim só tende a crescer mais e mais, mesmo que a pessoa tente te convencer do contrário e insiste em salvar a relação, já pode ser muito tarde, pois o mais importante ela já destruiu; a sua confiança!

Então é isso espero que você tenha curtido esse post e que de certa forma essas poucas linhas possa o ter ajudado nessa decisão, perdoar uma traição não é fácil, mas com amor podemos tudo, forte abraço e sucesso! 🙂 

Como Perdoar uma Traição em 10 Dicas
4.3 (86.67%) 9 votes
Gostou do Artigo, Compartilhe com os Amigos!

Marcos Paulo Vilela

Nós do blog Eucontigo blog entendemos que para uma relação ser de qualidade e a longo prazo precisa de uma boa dose de amor e fidelidade mas acima de TUDO maturidade de ambos, nossa missão é promover um conteúdo que possa satisfazer os dois lado da laranja, um sentimento verdadeiro merece compreensão...

Comentários no Facebook

Fechar Menu