Dicas de Como Arrumar Namorado depois do Divórcio

Dicas de Como Arrumar Namorado depois do Divórcio

Namoro após o divórcio: 9 maneiras de arrumar o seu namorado após a separação e fazer ele se apaixonar por você

Namorar depois do divórcio pode ser um campo minado para a mulher da meia-idade. Talvez até mais espinhoso do que ponderar o que vestir em um encontro, onde ir, quem paga – para não mencionar como você encontra pessoas até hoje neste admirável mundo novo de encontros na Internet – está superando sua relutância em tentar isto. Por que é tão difícil?

Uma mulher divorciada pode se sentir muito vulnerável neste estágio, em parte porque ela costumava ter um cônjuge para ‘proteger’ ela e agora ela tem que sair para o mundo sozinha” . Mas também é difícil, porque uma vez que você está na cena de namoro, você pode se sentir como um adolescente de novo, nesse tipo de caminho vacilante, não confiante, não seguro, se ele ligar.

Então, como você pode fazer um namoro depois do divórcio? – quer você esteja procurando por um bom tempo ou um bom homem (voltado para o relacionamento) – menos intimidante? Leia sobre dicas que ajudarão você a voltar às boas graças de Cupido e do amor.

>>Não quer ler o artigo é sim ver um vídeo? de como arrumar um namorado depois do divórcio! assista ao vídeo:

1 – DESCUBRA SE VOCÊ ESTÁ PRONTA.

Seja um ano ou seis desde que se divorcio-u, você pode nunca saber com absoluta clareza que está pronto para outro relacionamento. É geralmente claro quando você não está pronta, reflexões para a cicatrização e reconstrução após o divórcio. Isto é, quando a própria ideia te apaga. Mas uma vez que a ideia de ir a um encontro vem em sua mente e você não quer ir e repetir a dose novamente, você está, pelo menos, pronta para começar, diz ela. Se é realmente este evento é horrível, você pode dar um passo atrás e esperar um pouco mais.

2 – SINTA O MEDO – E FAÇA ASSIM MESMO.

imagem

Contemplando a cena do namoro, muitas mulheres divorciadas sentem não apenas nervos de jardim, mas “terror real”. Apenas lembre-se de que seus medos são normais – afinal, você está lidando ou tendo lidado com uma grande traição e reviravolta na sua vida amorosa – e que você não precisa pular todo o caminho. “Dedique um dedo de cada vez. alguns amigos de confiança que você está interessado em conhecer pessoas. Aceite convites para festas.

3 – EVITE PENSAMENTOS NEGATIVOS.

Embora não seja inédito para uma mulher ferida por um divórcio doloroso fazer declarações como “todos os homens são idiotas” ou “todos os bons já estão comprometidos”, isso obviamente não é uma boa ideia para se ter um namoro. “Esse tipo de pensamento pode abalar o seu humor – e fazer com que você limite suas chances de sair e encontrar o amor.” Forçando-se a manter seus pensamentos negativos sob controle, você logo terá o hábito de pensar de maneira otimista, o que, por sua vez, o tornará mais preparado para namorar novamente. 😉 

4 – SAIBA QUE NÃO HÁ NADA DE ERRADO COM VOCÊ.

imagem

Uma mulher divorciada também pode sentir que há algo “errado” com ela desde que seu casamento desmoronou Se for esse o caso, comece a treinar-se agora para reconhecer pensamentos de auto-sabotagem e, quando surgirem dúvidas , “visualize um gigantesco sinal vermelho, ou uma voz gritando: ‘Pare!‘” e pense eu posso ser feliz de novo1

5 – DETERMINE SUA INTENÇÃO DE NAMORO.

Você decidiu começar a namorar – essa não é sua “intenção”? Não completamente…Sente-se e crie uma declaração do que, exatamente, você quer. É um parceiro na vida? Uma ligação de curto prazo que pode levar a algo? Apenas diversão por enquanto? A ideia é que você deva decidir conscientemente como você quer prosseguir, que por sua vez informará como você vai conhecer pessoas.

6 – REPENSE SUA DEFINIÇÃO DE NAMORO.

Os analistas amorosos dizem que mulheres separadas pensem e repensem quando entrar em um eventual namoro, e que associem as palavras que vem em mente quando o assunto é arrumar um namorado! muitas veem como horrivel e terrível, se você sente este temor, sugiro que reformule seu pensamento, se é uma aventura, ou algo mais sério, pense o quanto esta nova relação pode afetar a sua vida social e também o quanto ela pode te mostrar novos horizontes!

7- ESTEJA SEMPRE ONLINE, UTILIZE AS REDES SOCIAIS

Possivelmente, a última vez que você namorou não havia nem mesmo uma Internet, muito menos encontros pela internet. Mas se você estava pensando que procurar companheirismo online é estritamente para perdedores ou pervertidos, esqueça – isso é tão fora de moda quanto UM TELEFONE FIXO.

O namoro online não é apenas é a moda do momento, é uma das melhores maneiras de ampliar sua pesquisa, ao invés de apenas esperar que você encontre alguém no café. E atualmente, há um site para todos, desde Badoo por exemplo.

8 – NÃO SE ILUDA MUITO COM O PERFIL VIRTUAL DELE, NA VIDA REAL PODE SER DIFERENTE.

Uma vez que você “encontra” alguém online, é fácil construir uma fantasia de como ele é baseado em seu perfil e nos e-mails que você troca. “Minha regra prática é se encontrar pessoalmente dentro de duas semanas após o contato on-line.” Pode também descobrir o mais depressa possível se a química for virtual – ou real. Claro, quando você se encontrar, tome precauções básicas de segurança. “Diga a um amigo onde você estará e quando você espera estar em casa, e encontre um café em um lugar público”.

9 – LEMBRE-SE QUE O NAMORO É UM JOGO DE NÚMEROS.

“Quatro dos cinco homens com quem você sai desaparecerão”, te falo logo sem rodeios. É apenas a natureza do mundo do namoro. Ele pode ter parecido ótimo, mas perde interesse, ou está namorando outra pessoa, ou tem problemas que você nunca conhecerá. Não leve para o lado pessoal e, em vez disso, tente lembrar que, se você estiver conhecendo muitas pessoas, o número de maçãs podres vai subir – mas também as chances de você encontrar algumas maçãs boas também. 😉 

10 – SEJA HONESTA.

Honestidade é tudo em qualquer começo de história, se você tiver conhecendo mais de um pessoa, seja sincera e abra o jogo, estou gostando de sair com você, mas quero que você saiba que por enquanto também estou vendo outros casualmente.

12 – GUARDE EM OFF A RELAÇÃO ATÉ QUE TUDO ESTEJA CERTO PARA COM SEUS FILHOS!

Espero que seja óbvio para você que, se você tem filhos em casa, não deve trazer namorado, a menos que seja algo sério. Dito isso, não deixe que o medo de que seus filhos fiquem chateados ou desaprovados o impeçam de sair de lá se você se sentir preparado para isso. Muitas mulheres se escondem atrás de seus filhos como desculpa para não namorar. Seja honesta e respeitosa, mas não se desculpe por querer namorar. A maioria das crianças só quer que seus pais sejam felizes, e pode ser menos provável que se oponha do que você imagina. 🙂 

Dicas de Como Arrumar Namorado depois do Divórcio
Dê seu voto nesse artigo!
Gostou do Artigo, Compartilhe com os Amigos!

Marcos Paulo Vilela

Nós do blog Eucontigo blog entendemos que para uma relação ser de qualidade e a longo prazo precisa de uma boa dose de amor e fidelidade mas acima de TUDO maturidade de ambos, nossa missão é promover um conteúdo que possa satisfazer os dois lado da laranja, um sentimento verdadeiro merece compreensão...

Comentários no Facebook

Fechar Menu